33ª Corrida das Fogueiras 2012

Depois de uma semana de férias com praia e descanso, chegou o dia da última corrida da época 2011 -2012.

Sábado à tarde estava com os meus pais e namorada a caminho de Peniche, onde eles iam jantar enquanto eu e mais umas 2500 pessoas iam correr pela cidade.

Chegados a Peniche, fomos à procura do local de levantamento do dorsal, e com alguma ajuda do GPS acabámos por chegar ao local. O processo foi rápido e em 5 minutos estava de volta ao carro com o dorsal e a tshirt na mão.

De regresso ao carro fomos à procura de um local para se jantar, quer dizer, para eles jantarem e eu petiscar umas bolachas e uma banana. Entretanto acabei por ser convencido a comer uma sopa de legumes  para ficar com o “jantar” mais composto.

Entretanto chegou o Eduardo e acabei pro ir ter com ele para conversar um bocado enquanto fazíamos o aquecimento. Enquanto iamos para a zona de aquecimento acabei por encontrar também Pedro e Carla.

Quase na hora da partida fomos para a já grande fila que aguardava pelo inicio da prova. As 21:30  são lançados os foguetes, ouve-se o tiro e comecei a caminhar para 2 minutos depois passar na partida. Ainda consegui encontrar os meus pais que estavam na muralha (???) a tirar fotografias.

Tenho de confessar que não estava com muita vontade de correr, não me sentia particularmente em forma e estava bastante vento, mas lá fui correndo sem grandes pretensões em relação a tempo final.

O primeiro quilómetro da prova é feito na zona de acesso à partida o que faz com que esteja imensa gente a assistir, no entanto são raros os que aplaudem os atletas. Fiquei um bocado desiludido com este ambiente mais “frio” do que esperava mas não havia nada a fazer e continuei.

Os primeiros 5 Km da prova foram um pouco chatos, passámos por zonas muito isoladas e sem grande interesse, mas quando voltamos a passar na zona de partida e virámos para dentro de Peniche tudo mudou.

O publico de Peniche estava todo na rua, ao longo de todo o resto do percurso ouvia-se gritos de incentivo pessoas a bater palmas, pessoas a bater tachos e criança de braço esticado para lhes dar-mos uma espécie de “high 5”. Impressionante, nunca tinha visto nada assim, era impossível mesmo inconscientemente começar a correr mais rápido.

Quando passámos para a zona exterior da cidade em que íamos circular sempre junto ao mar começaram a aparecer as famosas fogueiras, separadas talvez por uns 500 metros lá estavam elas, a única luz (além do luar) que se via ao longo da estrada.

Toda esta parte da prova foi foi feita numa marginal exterior de Peniche em que não havia iluminação nenhuma, o que tornava a prova talvez um pouco perigosa, mas o ambiente com o mar a reflectir a lua quase cheia de um lado e  ao longe a luzinha da fogueira seguinte fazia esquecer esse problema.

Ao Km 10 continuava a sentir-me bem, e muito por culpa do constante incentivo acabei por ir aumentando o ritmo mantendo-me sempre abaixo dos 6 min /Km. Quase nem dei pelos últimos 5 Km, não me senti cansado ou com vontade de parar, aliás ao contrário das últimas provas desta vez até consegui fazer um sprint final com o Bruno Marques para acabar com um tempo de 1 hora e meia.

Conclusão

Já era para ter participado nas Fogueiras o ano passado mas como estava de férias acabou por ficar para este ano.

Tal como disse fui para Peniche mais porque tava inscrito do que por ter vontade de correr, felizmente fui e fiquei com imensa vontade de voltar, se há provas obrigatórias esta é uma delas, já agora à mesma com os meus pais e namorada para ter uma força extra😉

Depois de um inicio em que passamos por uma zona mais chata a prova mostra todo o seu esplendor a partir do Km 7 e deixa qualquer pessoa, impressionada com a simpatia e animação do povo de Peniche. Para eles um muito obrigado pela constante força que dão ao longo da prova.

A nível de organização melhorava apenas o afunilamento que acontece logo após a partida, mal começámos a correr e fomos logo obrigados a abrandar. Tirando esta factor nada a assinalar

Dados Garmin

  • Distancia – 15.23 Km
  • Tempo – 1:30:20
  • Ritmo Médio – 05:56 min /km
  • BPM Médio – 166
  • Calorias – 1076

——————————————————————–————————————

Tracking: Tracking Corrida das Fogueiras 2012

Classificação Oficial: 1935/ 2226 ( Tempo Oficial 01:32:20)

Classificações:

Fotos: 

4 thoughts on “33ª Corrida das Fogueiras 2012

  1. Parabéns pela excelente prova!
    Realmente Peniche tem uma parte do percurso um bocado chata mas o correr de noite e quase sem ver nada faz parte! Pode ser um pouco mais complicado mas é diferente.
    Depois aquele público compensa tudo.
    Por curiosidade posso dizer que já fiz prova num ano em que choveu e muito daquela chuva batida a vento que até magoa.
    Pode imaginar o que é correr nestas condições e de noite!
    Mas como sou um bocado “doido” adorei!
    Um abraço.

    • Também gosto de correr à chuva, mas nessas condições deve ser bastante complicado, É de valor fazer uma prova nessas condições.

      Já tinha ouvido falar muito do incentivo do publico de Peniche nesta prova, mas foi uma surpresa quando realmente entramos na cidade e ouve-se aplausos por todo o lado, e muito bom .

      Abraço Jorge

    • Lol é verdade a sopinha e o publico de Peniche foram o meu doping para aquela noite. Tenho de testar em treinos a técnica da “Sopa de Legumes Pré exercício” quem sabe se não é o futuro do desporto de alta competição🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s